FUNDAÇÃO DOM MANUEL II
Fundação Dom Manuel II
Rua dos Duques de Bragança 10
1200-162 Lisboa
PORTUGAL
- No dia 20 de Outubro, o Senhor Dom Duarte de Bragança, Presidente da Fundação D. Manuel II, participou na conferência "Guiné
Bissau:A Porta de Entrada da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental", que teve lugar na Universidade Lusófona,
organizada pelo Observatório Lusófono das Actividades Económicas (OLAE), pela Câmara de Comércio e Indústria Portugal Guiné-
-Bissau (CCIPGB) e pela Embaixada da Guiné Bissau.



- No dia 19 de Outubro, o Senhor Dom Duarte proferiu uma conferência na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa 
subordinada ao tema:
“Património Espiritual da Portugalidade”.




- Assinado Acordo de Cooperação entre a Fundação Padre Anchieta e a TV Timor

Considerando a necessidade de bons programas pedagógicos em Língua Portuguesa para a Televisão de Timor, a Fundação
D. Manuel II negociou um acordo de cooperação entre a Fundação Padre Anchieta, do Governo do Estado de São Paulo,
e a TV Timor. Esta Fundação é proprietária da TV Cultura, considerada uma das melhores televisões pedagógicas do mundo.
No dia 12 de Setembro terá lugar a assinatura do protocolo ente o Governador do Estado de São Paulo, Dr. Geraldo Alckmin
e o Embaixador de Timor-Leste, Gregório Sousa, na presença do Príncipe Dom Gabriel de Orleães e Bragança, em
representação da Fundação D. Manuel II, e do Dr. Durval de Noronha Goyos, Director da Fundação Padre Anchieta. O Dr.
Noronha Goyos foi, em colaboração com S.A.R. o Senhor D. Duarte de Bragança, o principal responsável pela concretização
deste programa destinado à difusão da língua portuguesa em Timor. Esperamos que em breve esta cooperação possa ser
estendida às televisões de outros países da CPLP.

Acordo




- No dia 22 de Julho de 2016 o Senhor Dom Duarte participou na Reunião das Fundações da CPLP que teve lugar na 
Fundação Gulbenkian.



 - No dia 18 de Julho de 2016 o Senhor Dom Duarte esteve presente na Comemoração dos 20 anos da CPLP que teve lugar
na sede da CPLP, no Palácio Conde Penafiel. 



- Sucesso na 1ª Conferência das Comunidades Luso-Asiáticas, Fundação Dom Manuel II foi convidada de honra 

Entre os dias 27 e 30 de Junho de 2016, decorreu em Malaca a 1ª Conferência das Comunidades Luso Asiáticas. Um evento
organizado pela comunidade luso-descendente do famoso Bairro Português, que procurou juntar os representantes das diversas
comunidades dispersas pelo continente asiático e que têm como denominador comum uma ascendência que remonta aos 
antigos marinheiros e soldados portugueses do séc. XVI. Assim, presentes estiveram personalidades como Xanana Gusmão, 
ex-Presidente da República e Primeiro-Ministro de Timor-Leste, actual Ministro do Planeamento e Investimento Estratégico 
daquele país, mas também Fernando Nobre, Fundador e Presidente da Fundação AMI. Em representação do Estado Português 
esteve o Embaixador de Portugal em Jacarta, Joaquim Moreira de Lemos, e o Embaixador de Portugal em Banguecoque, Francisco
Vaz Patto, este último, portador de uma mensagem do Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, destinada à 
ocasião. Entre as diversas comunidades luso-descendentes em presença estiveram os Burghers, do Sri Lanka, a comunidade de 
Tugu, da Indonésia, a anterior Presidente de Pangim, Goa, Sra. Carolina Pó, a comunidade euro-asiática de Singapura e uma 
representação da comunidade macaense e Hong Kong. Entre os convidados de honra destacou-se a Fundação Dom Manuel II, que,
na impossibilidadeda presença do seu Presidente, S.A.R. o Senhor Dom Duarte Pio, Duque de Bragança, assegurou a devida 
representação ao longo de todo o programa do evento. A Fundação Dom Manuel II vem, desde já dois anos, acompanhando a 
comunidade do Bairro Português, particularmente na dimensão cultural e na preservação e promoção da sua matriz identitária, 
numa colaboração que se pretende cada vez mais intensa. S.A.R., o Senhor Dom Duarte Pio, esteve presente junto daquela 
comunidade em 2015, onde teve a oportunidade de oferecer um novo sino de bronze, há muito desejado pelo bairro, e que se
encontra na praçaprincipal. A Fundação está, ainda, a envidar esforços conjuntamente com a Presidência da Região Autónoma da
Madeira, com vista ao apetrechamento de um dos grupos folclóricos do bairro com os trajes típicos daquela região lusa. O evento
contou com uma ampla participação da comunidade local, bem como de alguns académicos convidados, que apresentaram 
comunicações sobre o crioulo e a preservação dos seus aspectos linguísticos, bem como sobre a cultura musical e a história daquela
comunidade. O responsável pela organização, Joseph de Santa Maria, aproveitou a ocasião para apelar a Portugal para “assumir a
sua responsabilidade moral” para com estas comunidades, reconhecendo a sua existência e pugnando junto da CPLP para que seja
equacionada a criação de uma fundação, a ser gerida pela própria CPLP, que assegure um esforço por parte dos países membros para
se evitar a desintegração da “herança cultural portuguesa-asiática e dos idiomas portugueses-asiáticos”, em extinção acelerada.
A Conferência das Comunidades Luso Asiáticas pretende firmar-se como um evento bienal, que venha a aumentar o leque de
participação destas comunidades e alternando o seu local em cada edição, tendo ficado em aberto a possibilidade da mesma se vir a
realizar em Timor-Leste, em 2018.

 
Malaca1
Grupo dos convidados de honra



-
No dia 7 de Abril de 2016 o Senhor Dom Duarte participou no seminário"A CPLP e a Projeção Internacional da Língua Portuguesa" que teve lugar na Universidade de Guimarães.


PrémioPíncipe da Beira em Ciências Biomédicas 2015 - Press release

Prémio Príncipe da Beira
- Regulamento e Edital

Príncipe da Beira Award - Regualation and Annoucement



- O Senhor Dom Duarte de Bragança participou no 10º Encontro de Fundações da CPLP, em Luanda, de 21 a 23 de Outubro de 2014, subordinado ao tema “Desenvolvimento Sustentável na CPLP: que metas após 2015?”, que foi organizado pelo Centro
Português de Fundações
com o apoio da Fundação Eduardo dos Santos, Fundação Agostinho Neto, Fundação Sagrada
Esperança, Fundação Lwini e Fundação Sol.

- O 1º Congresso Internacional de Museologia Militar que teve lugar no Aquartelamento da Academia Militar na Amadora,
nos dias 24 e 25 de Setembro 2014, contou com o apoio da Fundação Dom Manuel II, representada por S.A.R., o Duque de
Bragança, que participou neste Congresso, fazendo parte da Comissão de honra.


- A Fundação Dom Manuel II e as Pousadas de Portugal assinaram um Protocolode Cooperação ao abrigo do qual as Pousadas passarão a usar as Armas Portuguesas
com a legenda "Recomendado pela Casa Real Portuguesa".

(Ler nos recortes de imprensa da Casa Real | Ler no Publituris)



- Guimarães protocola prémio para melhor investigador de ciências

Transferir



-Instituto dos Mares da Lusofonia
, instituído pela fundação Dom Manuel II,

organiza o seu terceiro Congresso no Rio de Janeiro(ler)





“Foi por isto mesmo que o Secretariado Executivo da CPLP não hesitou em, mais
uma vez, associar-se como Parceiro da Fundação D. Manuel II na organização
desta II Edição do Congresso “”Os Mares da Lusofonia”.

O Secretariado Executivo da CPLP reitera a sua inteira disponibilidade em continua
a trabalhar estreitamente com este nosso parceiro, esperamos,numa condição futura
de Observador Consultivo da CPLP.”


 
"A Comissão «São Nuno de Santa Maria», constituída, no ano da Canonização do Condestável, sob o patrocínio da Ordem do Carmo em Portugal tem como objectivo celebrar a figura de D.Nuno Álvares Pereira e divulgar a vida e obra deste Santo português.

É membro da Comissão de Honra, S.A.R. Dom Duarte, Duque de Bragança,
Chefe da Casa Real Portuguesa.






 
 
 
 
 
 

 
 
 
 
 

 
 
 


-
Sob o alto patrocínio da Fundação D. Manuel II foi constituída a
comissão
D. Carlos 100 Anoscom o objectivo de evocar a vida e obra do Rei D. Carlos,
quando passam 100 anos sobre o seu desaparecimento.
­A Comissão "D. Carlos-100 anos", sob a égide da Fundação D. Manuel II,
vem assinalando o centésimo aniversário do falecimento do Rei D. Carlos,
pretendendo dar a conhecer as suas múltiplas facetas na Ciência, na Cultura e no Mar.

 



 
 

 
 
 
2015 © Fundação Dom Manuel II  *  Todos os direitos reservados